Voar para Longe

domingo, 27 de abril de 2008

Bélgica e Holanda

Partida: do Aeroporto de Lisboa
Data: dia 17 de Agosto de 1988 (4ª feira)
Vôo da Tap: TP 440 - Boeing 727
Partida do avião: 9h50


Destino: Bruxelas - Bélgica






Chegada: ao Aeroporto de Bruxelas



Chegada do avião: 12h30

Duração da viagem: 2h20

Diferença horária: + 1h


Estadia:



Duração da Estadia: 3 dias


Passeios e Visitas



La Grand Place
La Grand-Place de Bruxelas é a praça central de Bruxelas.
É lá que se encontram a Câmara Municipal (L'Hôtel de Ville) e o Museu da Cidade(Maison du Roi).
La Grand Place é o centro geográfico, histórico e comercial de Bruxelas e o primeiro local a ser visitado por quase todos os turistas. Esta movimentada praça empedrada mantém-se o centro cívico da cidade, passados séculos da sua criação, e o melhor exemplo da arquitectura belga do séc. XVII. No séc. XI realizavam-se mercados ao ar livre e no final do séc. XIV foi construída a Câmara Municipal de Bruxelas, o Hôtel de Ville (Town Hall).




La Maison du Roi
(Museu da Cidade)


L'Hotel de Ville
(Câmara Municipal)




Manneken-Pis ("O Menino-mijão")

É uma pequena fonte em bronze de um menino a urinar para a bacia da fonte.
Nas festividades a estátua é enfeitada com diversos disfarces. O seu "guarda-roupa" conta, hoje em dia, com mais de cem. As fotografias normalmente tiradas à estátua dão uma sensação errada da sua verdadeira estatura; muitos turistas ficam desapontados ao descobrirem uma pequena estátua em vez de uma maior. A inspiração para tão famosa estátua continua desconhecida, e o mistério levou à criação de rumores e fantasias, aumentando o encanto deste rapazinho. Uma das versões conta que, no final do séc. XII, o filho de um duque foi encontrado a urinar contra uma árvore no meio de uma batalha e foi por isso celebrizado numa estátua de bronze como símbolo da coragem militar do país.



La Place du Grand Sablon


Jardin du Grand Sablon



L'Église Notre-Dame du Sablon




La Cathédral de Saint-Michel



Le Palais de Justice (Palácio de Justiça)


Le Parc de Bruxelles



Le Palais de la Nation
(Parlamento)

La Bourse (A Bolsa)



L'Arcade du Cinquantenaire
Arco do Triunfo ou Arcadas do Cinquentenário é um monumento erigido no Parque do Cinquentenário, para comemorar os cinquenta anos da independência da Bélgica.




Atomium

O Atomium foi construido em 1958 no âmbito da Expo 58. Com 103 metros de altura, o Atomium representa um átomo de ferro , ampliado 165 000 milhões de vezes, com tubos que ligam as 9 partes formando 8 vértices.



Le Palais Royal




Place Schuman - Complexe de la CEE



Partida: de Bruxelas

Data: dia 19 de Agosto de 1988 (6ª feira)

Europabus (autopullman)



Partida: às 8h



Destino : Amsterdão - Holanda




Chegada: à Estação Central de Amsterdão

Chegada: às 11h45

Duração da viagem: 3h45

Estadia:


Duração da Estadia: 4 dias


Passeios e Visitas

A capital européia conhecida pelas flores e pelos canais, pelos inúmeros museus e galerias de arte e pelo liberalismo, é uma das cidades mais bonitas e cheias de lugares para se conhecer em toda a Europa.





Damrak

É a praça central de Amsterdão, onde se juntam grupos grandes de "hippies" à volta do monumento memorial à 2ª Guerra Mundial, o obelisco.






Palácio Real (Koninklijk Paleis)

O Palácio Real é um dos três palácios na Holanda que está à disposição da Rainha Beatriz por decisão do Parlamento. Fica situado no lado oeste da Praça Dam no centro de Amesterdão, lado oposto ao Memorial de Guerra e ao lado de Nieuwe Kerk.



Igreja Nova (Nieuwe Kerk)

Ao lado do Palácio Real e a poucos metros da Praça Dam, na actualidade é um centro de esposições, sala de concertos, centro de convenções e café. Esta acessível também para pessoas de cadeiras de rodas. Começou a ser construído no final do século XIV, como resposta ao crescimento demográfico de Amesterdão, e no ano 1408, o bispo de Utrecht concedeu a permissão e o templo sofreu deste então vários incêndios e reconstrucções. As relíquias mais importantes pertecem ao "Século de Ouro" quando foi construído o púlpito e se adicionou o orgão.



Igreja Velha (Oude Kerk)

É uma igreja centenária que se encontra localizada no centro de De Wallen. Este templo dedicado, originalmente a São Nicolau, Patrono e Protector de Amesterdão desde o século XIV, perdeu algumas imagens e outras relíquias com o passar do tempo. Contudo, cheio de história, com um impressionante orgão no qual periodicamente são executados concertos, com túmulos de pessoas reconhecidas pela cidade, entre outras curiosidades. Pode-se dizer que é o edifício mais antigo da cidade, sendo um ícone para esta.



Red Light District

Onde se encontram as prostitutas nas vitrinas e sex shops quase porta sim , porta sim.


Canais

O número de canais em Amesterdão levou a que esta cidade ficasse conhecida como “A Veneza do Norte”.


Estação de Correios Central


Mint Tower



Mercado das Flores

Localizado sobre uma margem do canal Singel, entre Koningsplein e Muntplein, existem cerca de vinte postos flutuantes onde se vendem as famosas tulipas, plantas, sementes, bulbos e uma importante variedade de lembranças de todos os tipos e valores.



Museu - Casa da Anne Frank

A casa de Anne Frank fica localizada no centro de Amesterdão, tendo sido o sitio onde esta se escondeu e escreveu o seu famoso diário durante a Segunda Guerra Mundial. O diário original está à disposição de ser visto como sendo parte da permanente exposição que se efectua neste lugar.



Acesso ao anexo (esconderijo)


Museu Madame Tussaud

Museu de figuras de Cera







Museu - Casa de Rembrandt

O edifício onde Rembrandt viveu desde 1639 até 1659 é agora casa a uma grande colecção dos seus quadros, sendo também o sítio onde a sua maioria foi feita. Tem também uma grande colecção de quadros de pessoas que o inspiraram, como Pieter Lastman.




Rijksmuseum (Museu Nacional)

É o maior museu de arte e história da Holanda, com mais de um milhão de objectos em exposição, destacando obras de artistas holandeses do século XVII como Rembrandt, Vermeer, Frans Hals e outros.



Museu Vincent Van Gogh
A obra do pintor Vicent Van Gogh encontra-se repartida por museus em todo o mundo, porém aqui em Amesterdão pode-se admirar a sua colecção mais importante.





Meio de Transporte mais usado em Amsterdão



Moinho Típico da Holanda




Partida: da Estação Central de Amsterdão

Data: dia 22 de Agosto de 1988 (2ª feira)



Comboio para o Aeroporto: 11h10


Partida: do Aeroporto Schiphol


Vôo da KLM: KL 0367 - Airbus

Chegada: ao Aeroporto de Lisboa

Chegada: às 15h45

Duração da viagem: 2h30

3 comentários:

Angel of Light disse...

Bem, isto de ver a Bégica e a Holanda em 10 minutos cansa... cansa muito!! ADOREI! Tu és realmente fantástica. Gabo-te a preciosidade de cada imagem e informação dada. És impecável. Gostei muito da Holanda, não fosse eu fanática por flores, principalmente por tulipas!

Mas olha, penso que na Bélgica falta uma foto. Vai lá ver.

Beijinhos de Amor, Paz e Luz!

kakauzinha disse...

Ah Pipinha, isto é obra!

Há aqui no "ar" uma ideia para ir à Holanda no próximo ano, mas quando e se for venho aqui buscar toda a informação, és a minha enciclopédia de viagens oficial, eheheheh!

Parabéns, está fantástico, melhor... é impossível!

Beijinhos grandes****

Sereia* disse...

Bolas Pipinhaaaaa!!!

Um dia, quando eu for grande, vou à Holanda também. è um país que eu gostava de visitar.

Este ano vou à Tunisia, um país que não gostava de visitar... mas que combinei ir com malta lá da piscina :)
pó ano quero muito ir à grécia... já foste lá???
estou curiosa!

Ah e claro! A itália!
Tb gostava mt de conhecer...

Um dia, quando eu for grande :)
mil beijoooooosssssss de saudadinhas tuasssss